Universidade Cornell afirma que o bloco de bitcoin pode subir para 4MB sem problemas de maior

Um  estudo da  "Initiative for CryptoCurrencies and Contracts (IC3)" no Instituto Jacobs Technion-Cornell da autoria de Christian Decker, Ittay Eyal, Andrew Miller e Emin Gün Sirer, entre outros, defende que  o tamanho do bloco da  bitcoin pode  escalar até 4MB sem afectar a  descentralização.


De acordo com o documento publicado  recentemente, sobre "Scaling Decentralized Blockchain ", 4.000 nós de Bitcoin foram submetidos a testes de desempenho, e foi medida  a largura de banda em cada nó . O estudo constatou que 90%, dos  nós bitcoin, podem continuar a operar com  blocos de 4MB, traduzindo-se em cerca de 27 transacções por segundo, muito mais do que o limite prático actual de aproximadamente 2,5 transacções por segundo.


O estudo revela alguns resultados impressionantes nomeadamente ao  mostrar que 50% dos nós  de bitcoin,  aproximadamente 2.500 nós na altura em que foram efectuados os testes , não seriam afectados por um tamanho de bloco  ligeiramente inferior a  40MB, traduzindo-se em 250 transacções por segundo ou aproximadamente 10 milhões de transacções por dia. Além disso, 10% da rede bitcoin, quase 500 nós , pode operar sob um tamanho de bloco de 200 MB,com esta performance  a rede atingiria  níveis comparáveis ​​à rede de pagamento Visa.

 

Fonte

Rate this item
(0 votes)
 

JornalBitcoin Newsletter

Bitcoin Videos